segunda-feira, 24 de abril de 2017

Encontro com Margarida Fonseca Santos

Os alunos de sexto ano receberam na última quinta-feira uma convidada muito especial, uma escritora  das mais conhecidas escritoras infanto-juvenis, Margarida Fonseca Santos, numa iniciativa da Rede de Bibliotecas Escolares do Concelho de Caminha. 
Antecipadamente, nas aulas de Português, os alunos preparam o encontro, explorando várias obras da autora: 7X25 Histórias de Abril, Bicicleta à chuva, O peixe azul, as aventuras dos 7 irmãos, entre outras. Realizaram trabalhos de escrita criativa a partir do texto " O lápis azul", inserido no 7X25 Histórias de Abril.
A escritora ficou muito sensibilizada pelo trabalho desenvolvido pelos alunos e professores. Manifestou uma grande empatia com os seus jovens leitores, proporcionando momentos muito agradáveis de relatos e troca de questões e opiniões.












quinta-feira, 20 de abril de 2017

Semana da Leitura: visita à Biblioteca Municipal de Caminha

Durante a Semana da Leitura (na terça-feira 21 de março), os alunos das turmas A e D do sexto ano, acompanhados pelos seus respetivos diretores de turma (prof. Luís Viana e prof.ª Jovina Domingues) e pela PB, decobriram as recentes instalações da Biblioteca Municipal de Caminha. Foram recebidos pela sua diretora, Drª.Celina Lopes, e ficaram a conhecer as instalações e serviços prestados pela BM.




quarta-feira, 5 de abril de 2017

Semana da Leitura: Dia Mundial do Teatro e Dia Mundial da Poesia

Os alunos de expressão dramática da turma D de sétimo ano prepararam, com o apoio precioso do professor Borlido, uma apresentação de Teatro de luz negra. Os alunos de 6.º ano puderam apreciar  as várias formas de expressão para  celebrar a Poesia, com jogos de luz e de sombras, movimento, declamação de poemas de Sebastião da Gama, Florbela Espanca, Fernando Pessoa, Sophia de M. B. Andresen, Eugénio de Andrade e Ondjaki.





Semana da Leitura: Clássicos contados aos mais novos

Um grupo de alunos do 9.º B apresentou, com muita expressividade, a todos os alunos do 7.º ano o Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente, adaptado aos mais novos por Rosa Lobato de Faria, das edições Quasi. 
 As turmas do 7.º A, 7.º B, 7. C e 7.º D descobriram com grande curiosidade e divertimento este clássico da nossa literatura. Mostraram o seu apreço aos seus colegas do 9.º B que receberam uma forte aclamação (bem merecida).


Semana da leitura: os jovens leitores apresentam

Durante a semana da leitura, os alunos das turmas de quinto,  sexto e sétimo anos declamaram poemas ( O gato de louça de Álvaro Magalhães, O computador de Luísa Ducla Soares, Ser Poeta de Floberla Espanca, Mãezinha de António Gedeão...) e apresentaram sugestões de leitura. Destacaram-se as obras de José Luís Peixoto " A Mãe que Chovia, Álvaro Magalhães "O Limpa-palavras e outros poemas", Alice Vieira "Dom Quixote contado às crianças" , "Flora e Ulisses" de Kate Di Camillo, "O amigo gigante" de Roald Dahl, "Tristão e Isolda", "O mistério do quarto secreto" de E. Blyton (entre outros).











Semana da Leitura: Eu (também) acredito




A partir da leitura autónoma, em suporte digital, e da leitura orientada da obra de David Machado Eu acredito, os alunos das turmas B e C do quinto realizaram atividades de escrita criativa, com muito empenho e brio! As produções foram divulgadas na nossa BE, durante a Semana da Leitura. 

 Eu (também) Acredito


Eu acredito que posso voar, alcançar o mundo sem pensar.

Eu acredito que, ao sonhar, o meu coração voa no ar, perdido no espaço, alcançando estrelas sem pensar.

Eu acredito que as estrelas são fogos-de-artifício que fugiram pelo espaço fora.

Eu acredito que os trovões são o som dos deuses zangados.

Eu acredito que existem fadas que nos protegem do perigo.

Eu acredito que, um dia, o universo será meu.

Eu acredito que podemos melhorar o mundo através do pensamento.

Eu acredito que, quando saímos de casa, os nossos brinquedos ganham vida.

Eu acredito que as palavras más um dia desaparecerão, para nunca mais voltarem.

Eu acredito que um dia irei voar e tocar no céu.

Eu acredito que a imaginação não tem fim.

Eu acredito que, quando eu deixar de ser mentiroso, o meu nariz parará de crescer.

Eu acredito que, um dia, todas as pessoas poderão ser felizes.

Eu acredito que, quando dormimos, os sonhos nos mostram o nosso futuro.

Eu acredito que as borrachas podem apagar memórias.

Eu acredito que, à noite, os brinquedos se mexem e se escondem, para eu não os encontrar.

Eu acredito que, quando o sol nasce, um sorriso aparece.

Eu acredito que a palavra AMOR é infinita.

Eu acredito que, quando me apaixonar, vou flutuar até ela me abraçar.

Eu acredito que chove quando as nuvens lavam os dentes.

5.º B 


 Eu (também) Acredito
 
Eu acredito que os bolsos são mochilas pequenas.

Eu acredito que as sombras são pessoas escondidas.

Eu acredito que as estrelas são feitas de pó mágico.

Eu acredito que quando adormeço os meus bonecos ganham vida.

Eu acredito que os livros comem palavras.

Eu acredito que quando estou a ler um livro ele ganha vida.

Eu acredito que a palavra acredito acredita em várias coisas.

Eu acredito que debaixo da minha cama existem umas escadas que levam para o mundo da fantasia.

Eu acredito que a lua é um queijo que um dia uma criança vai comer.

Eu acredito que um dia os assobios vão ser flautas maravilhosas.

Eu acredito que a chuva são as lágrimas de todas as pessoas que sofrem.

Eu acredito que as ondas são os batimentos do coração do mar.

Eu acredito que as estrelas são feitas de mel.

Eu acredito que todas as pessoas mortas são as estrelas do Universo.
                                                                       
                                                                                5.º C